VOCÊ NÃO ESTÁ SOZINHO!!!

PRECISANDO DE AJUDA ENTRE EM CONTATO!!!

(34) 9244-8208

   
     
8 de Maio - Renovação de CNH vai exigir exame toxicológico obrigatório a partir de junho Deveria...
6 de Maio - Serviço de orientações sobre drogas atendeu 7 mil pessoas no 1° trimestre de 2015   No...
2 de Maio - Vacina que poderá eliminar vício em cigarro é testada em humanos   R7Hoje não...
16 de Abril - Barata e alucinógena, nova droga ´flakka` preocupa autoridades nos EUA Policiais de uma delegacia...
 
4 de Abril Polícia do RS fecha laboratório

Polícia do RS fecha laboratório que fabricava nova droga para raves   

G1
Produto ilegal, chamado de ´Sucesso`, é distribuído em festas rave.
Segundo a polícia, ela é considerada um subproduto do lança-perfume.

Agentes do Departamento Estadual do Narcotráfico (Denarc), da Polícia Civil, fecharam um laboratório de drogas sintéticas neste domingo (24) em Viamão, na Região Metropolitana de Porto Alegre. No local, os policiais descobriram a produção de uma nova droga, chamada de “Sucesso” e considerada um subproduto do lança-perfume. De acordo com a polícia, a droga causa dependência química, danos cerebrais e pulmonares.

Segundo o delegado Rodrigo Zucco, que coordenou a operação, a mercadoria seria vendida em uma festa rave marcada para o dia 30 de março. Um suspeito de 28 anos foi preso com cerca de R$ 2,5 mil em dinheiro. Ele foi encaminhado ao Presídio Central.

No laboratório, a polícia apreendeu quatro botijões de gás e mais de 100 frascos que armazenavam o produto. Para produzir o “Sucesso”, traficantes utilizavam essências de hortelã, maracujá, morango e baunilha. A substância ainda não consta como droga na Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), mas a inclusão já foi solicitada pela Polícia Civil gaúcha.
Fonte:ABEAD(Associação Brasileira de Estudos do Álcool e outras Drogas)


 
31 de Março Proibição do fumo na Copa de 2014

OPS comemora proibição do fumo na Copa de 2014   

A Organização Pan-Americana da Saúde (OPS) comemorou nesta segunda-feira a proibição do fumo nos estádios que sediarão a Copa do Mundo do Brasil, em 2014, o que evitará que jovens torcedores sejam "recrutados".

Carissa Etienne, diretora da OPS, o escritório da Organização Mundial da Saúde (OMS) para as Américas, enviou um comunicado à Fifa para parabenizar a entidade pela decisão tomada em 7 de março. De acordo com Carissa, a medida "também significa que um dos eventos esportivos mais importantes do mundo não será um espaço para a promoção do uso do tabaco".

A proibição se estende às partidas que serão disputadas nas 12 cidades anfitriãs da Copa de 2014, assim como aos jogos da Copa das Confederações, que acontecerão em seis cidades brasileiras entre 15 e 30 de junho de 2013. A medida impede o fumo nos estádios, mesmo nos locais ao ar livre dentro do perímetro deles, e também serão proibidos a publicidade, a promoção e o patrocínio de produtos do tabaco nas partidas.

A assessora principal de Controle do Tabaco da OPS, Adriana Blanco, assinalou que isso impedirá as empresas de tabaco de "utilizar suas táticas de mercado enganosas para recrutar novos fumantes entre os milhares de jovens torcedores que assistirão aos jogos". Blanco considerou que ações como essa ajudam a "avançar rumo a uma mudança social em rejeição ao tabaco", que mata cerca de seis milhões de pessoas no mundo a cada ano, sendo um milhão nas Américas.
Autor: OBID


Fonte: EFE


 
29 de Março Festa agendada pela internet

Ao menos 70 menores são detidos em festa agendada pela internet


Festa em Uberlândia, divulgada pelo Facebook, tinha drogas e bebidas.
Segundo a página, o alvo eram estudantes que não gostam de ir à escola.


Muito barulho e cheiro de substâncias entorpecentes foram algumas das reclamações dos vizinhos que levaram a Polícia Militar (PM) a fiscalizar uma residência do Bairro São Jorge, em Uberlândia. No local estava ocorrendo uma festa com bebida alcoólica e drogas à vontade, que começou por volta das 7h desta quarta-feira (27). Na abordagem, a polícia apreendeu cerca de 70 adolescentes e prendeu os organizadores da festa, que são maiores de idade e foram conduzidos à Delegacia de Plantão.


De acordo com as informações da polícia, a divulgação da festa foi feita pelo Facebook e o ingresso custava R$ 10 para os homens e mulheres entravam gratuitamente. Na página da rede social, a festa foi denominada “Fogo no Puteiro que o Boy Chegou”. A descrição do evento diz que a festa era destinada a estudantes que não gostam de ir para a escola. Também foi informado que para as garotas que não sabiam chegar ao local ou estudavam no Centro, um veículo as buscariam no Terminal de Ônibus do Bairro Santa Luzia, às 7h10.


Dentre as postagens dos 107 membros que confirmaram a presença pelo Facebook, um jovem chegou a postar uma foto de duas garrafas de vodka que seriam apenas para os ‘considerados’.


Segundo a polícia, a festa foi organizada na casa de um dos responsáveis, que aguardou a mãe sair para o trabalho para iniciar o evento. Além de garrafas de bebidas alcoólicas, havia também energéticos, narguilé – um tipo de fumo de origem árabe - maconha e materiais escolares. Ainda como informado pelos policiais, muitos menores mataram aula para irem à festa.


O pai de uma das menores, que não quis ser identificado, disse que ficou revoltado quando soube que a filha estava na festa. “Estou trabalhando tranquilo e sossegado e de repente chega a notícia de que minha filha estava aqui. Numa festa onde os jovens se reuniram e tinha tudo o que não presta. Tem de tudo, até polícia. Aí você fica fora de controle, nervoso. É complicado, é complicado demais”, desabafou.
 
O Conselho Tutelar foi até o local para identificar os responsáveis, que serão notificados e chamados para ser avaliada a situação. “Neste caso nós vamos identificar os adolescentes e as famílias deles. Para as famílias que já foram até o local, entregamos os filhos e, posteriormente, convidamos os pais para comparecerem ao Conselho para vermos o que podemos fazer nesse aspecto”, explicou o conselheiro tutelar, Antônio das Graças Lopes.


Fonte: G1 Triangulo Mineiro


 
21 de Março Combate às drogas depende de empenho

Combate às drogas depende de empenho conjunto, diz Papa   

Exame
Em encontro com a presidente Dilma, Francisco acrescentou que o combate deve ser feito através do reforço de valores para a juventude

O papa Francisco disse à presidente Dilma Rousseff que é necessário empenho conjunto para combater as drogas e reforçar os valores e os princípios para a juventude. Dilma foi a primeira chefe de Estado recebida por Francisco, depois da cerimônia que marcou ontem (19) o início do seu pontificado. Na conversa, o papa lembrou que a construção do futuro depende da juventude.

“[O papa] falou sobre a importância da juventude na construção do futuro da humanidade e que a Igreja [Católica], como uma instituição secular, tem no jovem um foco muito grande”, disse a presidente, após o encontro com o papa, no Vaticano.

Dilma disse que Francisco ressaltou que é fundamental, para o combate às drogas, reforçar valores e princípios. “Conversamos sobre a questão das drogas e do crack, o reforço de valores, princípios e símbolos para a juventude”, destacou ela. Ao se dirigir aos cardeais, no último dia 15, o papa pediu que eles usem a sabedoria, que apenas o tempo e a idade ensinam, para conquistar fiéis.

Na ocasião, improvisando o discurso aos cardeais, Francisco lembrou que o conhecimento e a sabedoria são aprimorados com o passar dos anos. “Ser idoso é a sabedoria da vida, levemos essa sabedoria aos jovens”, disse, na semana passada.


Fonte:ABEAD(Associação Brasileira de Estudos do Álcool e outras Drogas) 


 
Primeira Anterior 25 26 27 28 29 30 31 Próxima Última
Copyright © 2010 DependenciaQuimica.inf.br
Todos os direitos reservados